quinta-feira, 31 de outubro de 2013

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

As vossas escolhas... Amores contados - 30/10

Quase a chegar ao fim aqui ficam mais umas musicas escolhidas...









Viajando com... As Crónicas de Gelo e Fogo Livros Sete e Oito de George R.R. Martin


Nesta rubrica do Viajando com... vou finalmente mudar de continente e necessariamente de formato.











Essos


Através da personagem Daenerys já nos tinham sido apresentadas nos livros anteriores algumas partes do continente Essos. Nestes livros apenas nos é descrita Bravos através da personagem Arya. No entanto como ainda não o tinha selecionado para esta rubrica, estava mais que na hora.

Essos é o maior dos continentes deste mundo imaginário. Fica a leste de Westeros e norte de Sothoros. Essos é habitado por muitos povos diferentes e tem uma vasta e variada geografia.

Essos está dividido em várias regiões, cada uma das quais são o lar de grupos culturais distintos.


Cidades Livres


As Cidades Livres são nove cidades independentes localizadas na costa ocidental da Essos. Sete das cidades são costeiras (Bravos, Myr, Pentos, Volantis, Lorath, Lys e Tyrosh), encontrando-se no Mar Estreito, as duas restantes (Norvos e Qohor) estão localizadas no interior.



Pentos

Localização:  Cidades Livres, Essos
Governo: Príncipe e Conselho de magísteres
Religião: Várias
Personagens: Magíster Illyrio Mopatis

Bravos

Localização:  Cidades Livres, Essos
Governo: Sealord of Braavos
Religião: Todas
Personagens: Syrio Forel, Jaqen H'ghar

Lys

Localização:  Cidades Livres, Essos
Governo: ??
Religião: Alto Magister e um conselho de protetores religiosos
Personagens: Salladhor Saan, Varys

Qohor

Localização:  Cidades Livres, Floresta de Qohor, Essos
Governo: ??
Religião: Cabra Negra
Personagens: Vargo Hoat

Norvos

Localização:  Cidades Livres, Colinas de Norvos, Essos
Governo: Alto Magister e um conselho de protetores religiosos
Religião: Várias
Personagens: Lady Mellario, Sacerdotes Barbudos

Myr

Localização:  Cidades Livres, Essos
Governo: Conselho de magísteres
Religião: Várias
Personagens:  Thoros de Myr

Tyrosh

Localização:  Cidades Livres, Essos
Governo: Arconte
Religião: Várias
Personagens: Daario Naharis

Volantis

Localização:  Cidades Livres, Essos
Governo: Triade
Religião: Várias
Personagens: Talisa Stark

Lorath

Localização:  Cidades Livres, Essos
Governo: Arconte
Religião: Várias
Personagens: Shae

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Imagem da semana


Um bibliófilo em potencial :)

As vossas escolhas... Amores contados - 28/10

Mais uma seleção das vossas bandas sonoras com desejos de uma boa semana de trabalho se for o caso...








Aquisições - Semana 43

Terminada a Feira do Livro e quando tinha decidido parar as compras por uns tempos, a Fnac resolve enviar-me um vale de desconto a que que não resisti. Desta vez escolhi livros recentes mas com oferta de outro.

Javier Marías


Coração Tão Branco
Javier Marías













Raymond E. Feist


Os Filhos de Krondor - O Príncipe Herdeiro
Raymond E. Feist













Louise Erdrich


A Casa Redonda
Louise Erdrich

(estes foram os 3 livros que escolhi, 2 porque já constavam da minha wishlist, e o de Raymond E. Feist porque resolvi abrir uma excepção para mais esta saga)









Raymond E. Feist


Os Filhos de Krondor - O Corsário do Rei
Raymond E. Feist













Juan Gabriel Vásquez


O Barulho das Coisas ao Cair
Juan Gabriel Vásquez













Karen Blixen


Ironias do Destino
Karen Blixen

(E estes são os 3 que vieram de oferta. Não conheço Juan Gabriel Vásquez mas parece-me um livro interessante, quanto a Karen Blixen é uma autora a que tenho algumas reservas mas irei experimentar)

domingo, 27 de outubro de 2013

Sugestão de Leitura - Todo o Meu Ser de Anna Funder

Anna Funder

Titulo: Todo o Meu Ser
Autor: Anna Funder
Titulo Original: All That I Am
Ano da edição original: 2011

Editora: Civilização Editora
Lançamento: 21 de Outubro de 2013
Páginas: 384
ISBN: 9789722633635

Sinopse: Anna Funder, vencedora do Samuel Johnson Prize e autora de Stasiland, conta em All That I Am uma emocionante e poderosa história de amor que relata a heróica e trágica história da resistência alemã na Segunda Guerra Mundial.
Quanto Hitler sobe ao poder em 1933, um grupo de amigos extremamente unido passam a ser, de um dia para o outro, considerados criminosos. Unidos na resistência à loucura e à tirania do Nazismo, são obrigados a fugir do país.
Dora, apaixonada e temerária, o seu amante, o grande dramaturgo Ernst Toller, a sua prima mais nova, Ruth, e Hans, marido de Ruth, refugiam-se em Londres. Aqui correm enormes e terríveis riscos para continuar a sua atividade em segredo.
Mas a Inglaterra não é o porto seguro que pensavam ser, e um único e arrepiante ato de traição irá destroçá-los…

Criticas:

The Times - "A força da escrita de Anna Funder é emotiva e imaginativa. Há uma profunda verdade em tudo o que tem a dizer sobre o amor, a perda e a traição."

Daily Mail - "Uma leitura ritmada e emocionante… Funder transmite na perfeição a privação e o perigo da vida dos personagens."

Spactator - "Um romance magnífico que transcende o seu cenário. Este livro é uma maravilha. Por favor, leiam-no."

Motivo da escolha: Mais um dos livros da minha lista de livros por traduzir. Gosto do tema, apesar de muito batido, existem sempre novas perspectivas a explorar. Quando a escrita é boa, como acredito que esta seja, para mim nunca é demais relembrar um dos períodos mais negros da História, quanto mais não seja para que não permitamos que se repita. Wishlist a aumentar ... :)

As vossas escolhas... Amores contados - 27/10

Depois de uma semana cinzenta soube muito bem este sábado de sol, continuação de bom fim de semana ao som das vossas escolhas musicais...









sexta-feira, 25 de outubro de 2013

As vossas escolhas... Amores contados - 25/10

Mais uma seleção da vossas musicas para ver animamos estes dias tão cinzentos...








Mais diversificado que isto é difícil :)

Campanhas Publicações Europa-América



Da Pena à Tela” é a campanha promocional de livros adaptados para cinema ou para séries de televisão que decorrerá até ao final do mês permitindo-lhe adquirir os melhores clássicos, as histórias mais fantásticas ou o melhor da ficção científica com 50% de desconto.


De 16 a 31 de Outubro decorrerá a Campanha do Dia das Bruxas (Halloween), com promoções de 50% e 60% nos livros da temática esoterismo, espiritualidade e espiritismo. 


Mais detalhes aqui.

Campanhas Editorial Presença


Mais detalhes aqui.

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

terça-feira, 22 de outubro de 2013

As vossas escolhas... Amores contados - 22/10

Mais um dia e uma escolha....


Opinião – O Mar de Ferro - As Crónicas de Gelo e Fogo - Livro Oito de George R.R. Martin

George R.R. Martin
Titulo: O Mar de Ferro - As Crónicas de Gelo e Fogo - Livro Oito
Autor: George R.R. Martin

Titulo Original: A Feast for Crows - A Song of Ice and Fire, Book 4
Ano de Publicação Original: 2005

Editora: Saída de Emergência
Ano: 2011 (3ª Edição)
Tradução: Jorge Candeias
Páginas: 376
ISBN: 9789896371357

Sinopse: Quando Euron Greyjoy consegue ser escolhido como rei das Ilhas de Ferro não são só as ilhas que tremem. O Olho de Corvo tem o objectivo declarado de conquistar Westeros. E o seu povo parece acreditar nele. Mas será ele capaz?

Em Porto Real, Cersei enreda-se cada vez mais nas teias da corte. Desprovida do apoio da família, e rodeada por um conselho que ela própria considera incapaz, é ainda confrontada com a presença ameaçadora de uma nova corrente militante da Fé. Como se desenvencilhará de um tal enredo?

A guerra está prestes a terminar mas as terras fluviais continuam assoladas por bandos de salteadores. Apesar da morte do Jovem Lobo, Correrrio ainda resiste ao poderio dos Lannister, e Jaime parte para conquistar o baluarte dos Tully. O mesmo Jaime que jurara solenemente a Catelyn Stark não voltar a pegar em armas contra os Tully ou os Stark. Mas todos sabem que o Regicida é um homem sem honra. Ou não será bem assim?

Opinião: Mais um livro desta magnifica saga lido e aproximo-me perigosamente dos últimos livros publicados. Sinceramente ler os próximos dois e ficar sem saber como tudo isto acaba vai ser uma verdadeira tortura, como tal decidi que vou fazer mais um intervalo nesta saga. Pelo que me conheço não devo aguentar ler mais do que um livro, por isso vou escolher um com muitas páginas :)

Quem leu a minha opinião sobre o O Festim dos Corvos, sabe que fiquei um bocadinho decepcionada, que senti a falta de algumas das minhas personagens preferidas e de mais acontecimentos. Pois bem, este O Mar de Ferro, embora não seja comparável aos primeiros volumes da saga, consegue compor a história e voltar a despertar o interesse pelo decorrer da narrativa, que no meu caso tinha ficado um pouco abalado na primeira parte. Já sei que estes 2 volumes contam a história de metade das personagens após os acontecimentos de A Glória dos Traidores, e os próximos dois contarão uma história temporalmente paralela para as restantes personagens. E embora apenas uma das minhas personagens preferidas esteja presente neste livro, e na minha opinião muito sub-valorizada, o destino das restantes conseguiu voltar a espicaçar a minha curiosidade, até porque grande parte delas fica em aberto.

Resumindo George R.R. Martin mais uma vez deixou o melhor para o final do livro, e embora sem o brilhantismo dos primeiros livros, este segundo volume consegue voltar a surpreender e a deixar-nos ansiosos por mais.


Novidades Presença

Michael Connelly
A Sombra da Lua
Michael Connelly
Colecção: Minutos Contados
Data 1ª Edição: 15/10/2013
Nº de Páginas: 352
Sinopse: Cassie Black é uma mulher com um passado obscuro e prestes a regressar a ele. Depois de dez meses em liberdade condicional, Cassie descobre algo que a faz desejar um novo começo, bem longe de tudo o que conhece. Mas, para isso, precisa de um último golpe, um golpe em grande que lhe assegure a quantia necessária para desaparecer e deixar a sua antiga vida para sempre. Só ninguém contava que o suposto assalto perfeito pudesse correr tão mal. Cassie vê-se subitamente em fuga, perseguida por alguém muito perigoso que adivinha todos os seus passos – e que se está a aproximar ameaçadoramente do seu segredo mais bem guardado, da única coisa que Cassie fará tudo para proteger.

Shannon Hale
Austenlândia - À Procura de Mr. Darcy
Shannon Hale
Colecção: Champanhe e Morangos
Data 1ª Edição: 15/10/2013
Nº de Páginas: 184
Sinopse: Jane Hayes é uma nova-iorquina de trinta e poucos anos que aparentemente não consegue ter sorte na sua vida amorosa. Não que isso pareça incomodá-la, já que nenhum homem poderá alguma vez sobrepor-se à sua obsessão secreta por Mr. Darcy, tal como foi encarnado por Colin Firth na adaptação da BBC de Orgulho e Preconceito. Quando uma tia-avó lhe deixa em testamento umas férias em Pembrook Park, um lugar que proporciona a admiradores de Jane Austen a oportunidade de viverem durante algumas semanas como se estivessem em 1816, os seus sonhos parecem bastante perto de se tornarem realidade. Mas conseguirá a ilusão estar também à altura das suas expectativas?

Eduardo Roca
A Oficina Dos Livros Proibidos
Eduardo Roca
Colecção: Marcador Literatura
Data 1ª Edição: 15/10/2013
Nº de Páginas: 568
Sinopse: Colónia, alvores do século XV. Ares de reforma e de mudança assolam uma Europa governada ainda pelas superstições e velhas crenças. A difusão do saber está em poder de uns poucos. No entanto, um pequeno grupo de sábios e eruditos que se reúne na mais absoluta clandestinidade está ligado por uma ambição comum: a transmissão cultural ao povo. Como? Através dos livros.
Uma aventura de fundo histórico onde se misturam religião, poder, sexo, violência, amor, lealdade, traição, amizade… A Oficina dos Livros Proibidos é um romance que prende com a sua intriga e cujo ritmo se acelera de forma imparável até chegar a um desenlace surpreendente.

Bill O´Reilly & Martin Dugard
Conspiração Kennedy
Bill O´Reilly & Martin Dugard
Colecção: Marcador História
Data 1ª Edição: 15/10/2013
Nº de Páginas: 384
Sinopse: 22 de novembro de 1963. Dallas, Texas. O presidente dos E.U.A. John F. Kennedy é baleado e levado para o hospital. Cerca de uma hora depois chega a confirmação oficial: o presidente está morto. Ninguém sabe o que dizer. A maior parte dos americanos dessa altura recorda com exatidão onde se encontrava quando ouviu a notícia de que JFK tinha sido assassinado. Os dias que se seguiram a essa terrível sexta-feira foram de enorme tristeza e confusão. Porque havia aquilo acontecido?
Numa arrebatadora narrativa histórica dos acontecimentos que rodearam o brutal assassínio de John F. Kennedy, Conspiração Kennedy descreve de forma pormenorizada e sem tabus, todos os acontecimentos que mergulharam os E.U.A. pela primeira vez na sua história, no medo e na incerteza. Toda a verdade, 50 anos depois.

A Bela História de O Principezinho - Edição comemorativa
Antoine de Saint-Exupéry
Colecção: Diversos
Data 1ª Edição: 15/10/2013
Nº de Páginas: 232
Sinopse: O texto de O Principezinho foi pela primeira vez publicado no dia 6 de abril de 1943, nos Estados Unidos, em plena Segunda Guerra Mundial. Este volume, que inclui o texto integral daquela obra, traça o seu acidentado percurso editorial. Inclui um dossiê ilustrado com diversos documentos inéditos do próprio Antoine de Saint-Exupéry, de amigos seus que acompanharam o nascimento deste pequeno Príncipe do deserto e de outros nomes conhecidos do mundo das letras e das artes, que encontraram nesta fábula inspiração para as suas próprias recriações de O Principezinho.

Ken Follett
Voo Final
Ken Follett
Colecção: Grandes Narrativas
Relançamento
Data 1ª Edição: 07/04/2009
Nº de Páginas: 368
Sinopse: Em Junho de 1941 a Dinamarca encontra-se sob a ocupação de Hitler, enquanto a Grã-Bretanha é a única potência europeia em condições de fazer frente ao avanço dos nazis. Mas os aviões que partem em missões de bombardeamento são sistematicamente abatidos pelos esquadrões germânicos, como se de algum modo estes conhecessem os planos de ataque da RAF. Uma agente do MI6 é destacada para investigar o que está a beneficiar os alemães, numa missão secreta à Dinamarca... Ao mesmo tempo, na pequena ilha de Sande, o jovem Harald, encontra numa base secreta dos alemães algo cuja descoberta pode ser vital para mudar o curso dos acontecimentos...
Jean Giono
O Homem Que Plantava Árvores
Jean Giono
Colecção: Marcador Literatura
Data 1ª Edição: 15/10/2013
Nº de Páginas: 72
Sinopse: Inspirado em acontecimentos verdadeiros, traduzido em diversas línguas e largamente difundido pelo mundo inteiro, O Homem Que Plantava Árvores é uma história inesquecível sobre o poder que o ser humano tem de influenciar o mundo à sua volta. Narra a vida de um homem e o seu esforço solitário, constante e paciente, para fazer do sítio onde vive um lugar especial.
Com as suas próprias mãos e uma generosidade sem limites, desconsiderando o tamanho dos obstáculos, faz, do nada, surgir uma floresta inteira – com um ecossistema rico e sustentável.
É um livro admirável que nos mostra como um homem humilde e insignificante aos olhos da sociedade, a viver longe do mundo e usando apenas os seus próprios meios, consegue reflorestar sozinho uma das regiões mais inóspitas e áridas de França.

Mais detalhes sobre estas e outras novidades aqui.

domingo, 20 de outubro de 2013

Aquisições - Semana 42

E finalmente fica o post com a minha ultima visita à Feira do Livro da Amadora, embora muitíssimo atrasado.  Desta vez também comprei livros novos.

Charles Dickens


David Copperfield
Charles Dickens













D.H. Lawrence


A Serpente Emplumada
D.H. Lawrence

(estes foram os 2 últimos usados que comprei, mais uma vez a preços muito económicos e em óptimo estado)










João Tordo


As Três Vidas
João Tordo













Rita Ferro


A Menina é Filha de Quem?
Rita Ferro













Natasha Solomons


Uma Casa de Família
Natasha Solomons













Per Petterson


Maldito Seja o Rio do Tempo
Per Petterson




(Quanto a estes 4 resolvi aproveitar a promoção da Leya onde para além dos preços de Feira, ofereciam 1 livro por cada 3 que comprássemos. Estes foram os escolhidos.)

As vossas escolhas... Amores contados - 20/10

Deixo-vos mais uma das vossas escolhas e mais um autor português... bom domingo :)


sábado, 19 de outubro de 2013

Sugestão de Leitura - Lugares Escuros de Gillian Flynn

Gillian Flynn

Titulo: Lugares Escuros
Autor: Gillian Flynn
Titulo Original: Dark Places
Ano da edição original: 2009

Editora: Bertrand Editora
Lançamento: 4 de Outubro de 2013
Páginas: 416
ISBN: 9789722527163

Sinopse: «Tenho uma ruindade dentro de mim, palpável como um órgão.»
Libby tinha sete anos quando a mãe e as duas irmãs foram assassinadas no «Sacrifício a Satanás de Kinnakee, no Kansas». Enquanto a família jazia agonizante, Libby fugiu da pequena casa da quinta onde viviam e mergulhou na neve gelada de janeiro. Perdeu alguns dedos das mãos e dos pés, mas sobreviveu e ficou célebre por testemunhar contra Ben, o irmão de quinze anos, que acusou de ser o assassino.
Passados vinte cinco anos, Ben encontra-se na prisão e Libby vive com o pouco dinheiro de um fundo criado por pessoas caridosas que há muito se esqueceram dela.
O Kill Club é uma macabra sociedade secreta obcecada por crimes extraordinários. Quando localizam Libby e lhe tentam sacar os pormenores do crime (provas que esperam vir a libertar Ben), Libby engendra um plano para lucrar com a sua história trágica. Por uma determinada maquia, estabelecerá contacto com os intervenientes daquela noite e contará as suas descobertas ao clube… e talvez venha a admitir que afinal o seu testemunho não era assim tão sólido.
À medida que a busca de Libby a leva de clubes de striptease manhosos no Missouri a vilas turísticas de Oklahoma agora abandonadas, a narrativa vai voltando atrás, à noite de 2 de janeiro de 1985. Os acontecimentos desse dia são recontados através da família de Libby, incluindo Ben, um miúdo solitário cuja raiva contra o pai indolente e pela quinta a cair aos pedaços o leva a uma amizade inquietante com a rapariga acabada de chegar à vila.
Peça a peça, a verdade inimaginável começa a vir ao de cima, e Libby dá por si no ponto onde começara: a fugir de um assassino.

Criticas:

The New York Times - «De pôr os nervos em franja.»

Entertainment Weekly - «Um mistério bombástico e cheio de reviravoltas.»

Cosmopolitan - «Um thriller que nos agarra.»

Chicago Reader - «Deliciosamente arrepiante.»

Motivo da escolha: Na altura do lançamento deste livro hesitei bastante em selecioná-lo como sugestão de leitura. Isto porque já tinha escolhido um outro livro de Gillian Flynn para esta rubrica, e como ainda não o li, achei que sugerir dois livros de uma autora que nunca li seria exagero. No entanto a sinopse deste Lugares Escuros deixa-me "mortinha" para o ler, algo me diz que seria um livro a "devorar", e como tal não resisti a sugeri.lo na rubrica desta semana. Mais uma vez espero não estar enganada...

As vossas escolhas... Amores contados - 19/10


Mais um dia, mais uma das vossas musicas... por acaso esta também me recorda umas quantas histórias :)


Bizâncio - Novidades de Outubro de 2013

Título: António Ferro: A Vertigem da Palavra
Subtítulo: Retórica, Política e Propaganda no Estado Novo
Autor: Margarida Acciaiuoli
ISBN: 978-972-53-0534-8
Págs.: 432
Política/Biografia
António Ferro era um homem singular. Escritor, jornalista, adquiriu notoriedade com o seu livro sobre a viagem em torno das ditaduras europeias nos anos 20 do século XX. Soube convencer Salazar de que o povo precisava de espectáculo, mostrou-lhe que tinha um programa e objectivos para a promoção do regime e foi nomeado director do organismo que se encarregaria das actividades de propaganda do Estado Novo. Durante quinze anos fez do país um «teatro» e foi o seu encenador: organizou exposições, criou prémios artísticos e literários, financiou filmes e documentários, criou uma companhia de bailado, um teatro do povo, um Museu de Arte Popular. O turismo teve com ele uma inusitada relevância através, entre outros, dos incentivos à qualidade de hotéis e restaurantes e do programa de Pousadas.

Nada lhe escapou, dir-se-ia. Mas, quando a Segunda Guerra Mundial terminou, percebeu-se que o país pouco mudara. É desta contradição que este livro trata, sem esquecer as convicções de António Ferro e a importância que sempre deu à palavra.

Título: O Continente Perdido
Subtítulo: Uma Análise sobre o mais negro Momento da Europa desde a Segunda Guerra Mundial
Autor: Gavin Hewitt
ISBN: 978-972-53-0533-1
Págs.: 336
Política/Actualidade/Economia
«Das planícies áridas de Espanha, ergue-se o aeroporto de Ciudad Real, feito de vidro e aço escovado, a brilhar à luz do sol. Vangloria-se de ter uma das pistas de maior comprimento da Europa. O seu terminal, amplo e arejado, foi concebido para acolher 5 milhões de passageiros por ano. Custou quase mil milhões de euros. Mas não se vêem aviões. É um elefante branco, financiado com o dinheiro dos contribuintes. Existem outros aeroportos «fantasma». Por todo o país, há projectos semiacabados: o legado de políticos que utilizaram os fundos públicos para satisfazer a sua ambição.»

O Continente Perdido conta-nos a história de um sonho falhado, uma visão nobre que se tornou perigosa e que conduziu a Europa à mais grave crise que enfrenta desde a Segunda Guerra Mundial: uma crise para a qual estava totalmente impreparada. Um dos pilares do sonho europeu, surgido no pós-guerra, era a criação de uma moeda única, e com ela surgiu o dinheiro fácil, seduzindo alguns países que se lançaram numa voracidade despesista. Após a crise financeira dos Estados Unidos, a Europa foi inevitavelmente atingida e deparou-se com uma crise da dívida pública que põe em causa todo o projecto europeu.

O Continente Perdido está repleto de casos patéticos, que cruzam os bastidores dos centros de decisão política com as histórias de cidadãos comuns, dando um retrato ímpar da mudança dramática da História a que assistimos nos nossos dias. Inclui, ainda, entrevistas com funcionários europeus de topo, dentro e fora do sistema, e relatos dramáticos de algumas das cimeiras europeias. Um livro claro e de leitura apaixonante, de um dos mais conceituados, e bem relacionados, jornalistas dos nossos dias, que nos explica com invulgar simplicidade como chegámos aqui e para onde caminhamos.

Título: Diário de uma (ainda) Solteira
Subtítulo: As Destemidas Reflexões de Uma Aventureira Romântica de 32 anos e meio
Autor: Alison Taylor
ISBN: 978-972-53-0535-5
Págs.: 288
Romance/Diário
As raparigas solteiras são hoje em dia mais espertas, mais fortes e mais engraçadas, e Alison Taylor é a sábia voz desta nova geração que anda à procura «do tal» mas que não quer fazer uma lobotomia de personalidade pelo caminho. Cobrindo doze meses na vida de uma esperançada (mas não desesperada) romântica, Diário de Uma (Ainda) Solteira revela-nos o que acontece antes de um encontro, durante um encontro e quando não há encontro algum. Deambulando pelos festivais de música, e por várias capitais europeias, acompanhamos esta «doente de amor» cheia de estilo – e os seus amigos – na demanda por divertimento, romance e por alguém que possa amar. Diário de Uma (Ainda) Solteira calará fundo a uma geração de mulheres modernas, educadas e ambiciosas que nem querem acreditar que há tão poucos homens adequados, solteiros e heterossexuais, o que não as impede de procurar e ter esperança, ter esperança e procurar…

(Ainda) Solteira deveria ser um Estado Civil.

Mais detalhes sobre estas e outras novidades aqui.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

As vossas escolhas... Amores contados -18/10

Apurados os resultados do passatempo Amores Contados, achei as vossas escolhas musicais tão diversificadas e interessantes que resolvi partilhar uma musica por dia :)

Sem revelar de quem foi a escolha pois não quero expor a vossa privacidade (ficará ao vosso critério identificarem-se ou não) aqui fica a primeira musica escolhida:

Resultado do Passatempo Alfarroba - Amores Contados de Ana Ferreira, Cristina Milho, Francisco Vilaça Lopes, Jorge Campião e Rosa Bicho Gonçalves





Finalmente arranjei tempo para apurar resultados para o passatempo Alfarroba.

Para este passatempo não existiam repostas corretas no entanto vou partilhar as musicas que escolheram :)









Este passatempo contou com a participação de 65 leitores. No entanto foi registada 1 participação duplicada que foi eliminada, pelo que restaram 64.

Destas 64 participações válidas,  62 disseram ser seguidores do blogue, pelo que foram duplicadas.

Após as duplicações fiquei com um total de 126 participações e procedi ao sorteio.

E aqui fica a parte chata... nunca me tinha sido tão difícil encontrar um vencedor :(

Os primeiros 4 selecionados que diziam ser seguidores no Facebook, mas não aparecem na minha listagem, 2 deles até são seguidores também pelo blogger pelo que comecei por validar a participação, mas como não tem os Gostos públicos no Facebook, não foi possível validar se fizeram Gosto na pagina da Alfarroba, pelo que tive de os invalidar.

O 5º selecionado até tinha os Gostos públicos no Facebook, no entanto após verificação não constavam nem o Nefertari e os Livros nem a Alfarroba.

Bem, mas como o azar de uns é a sorte de outros, à sexta tentativa consegui uma participação válida e o nº apurado foi:



E o vencedor é o Rúben Peregrino de Portimão a quem já enviei um mail  para confirmação.

Resta-me dar os parabéns ao vencedor e quanto aos restantes participem no passatempo a decorrer e  ... não se esqueçam que se forem seguidores no Facebook tem de ter os Gostos públicos para eu poder confirmar. Se não o quiserem fazer sigam o blogue pelo blogger ou pelo Google+ que também duplicam as participações. Ou se não quiserem seguir o blogue respondam que não são seguidores, não é obrigatório serem seguidores... só não arrisquem serem selecionados e depois considerados participação inválida :(

Novidades Presença



quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Man Booker Prize - Eleanor Catton


A escritora neozelandesa Eleanor Catton tornou-se nesta terça-feira, aos 28 anos, a distinguida mais nova com o Man Booker Prize, o galardão literário mais prestigiado do Reino Unido, com a sua novela The Luminaries.

O romance é centrado na figura do aventureiro Walter Moody e tem por pano de fundo a corrida ao ouro na Nova Zelândia em meados do século XIX.

O presidente do júri, Robert Macfarlane, descreveu o livro, de 832 páginas, o mais longo dos que já ganharam o prémio, como “deslumbrante”.

Catton tinha 25 anos quando começou a escrever o livro e 27 quando o terminou.

A duquesa da Cornualha, mulher do Príncipe Carlos, entregou à autora o prémio de 50 mil libras (60 mil euros), que é considerado a maior honra literária britânica.

Fonte: Jornal Público
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Recomendo

2666 - www.wook.pt

1Q84 - www.wook.pt

Wolf Hall - www.wook.pt

Na whislist


O Revisor - www.wook.pt

A Escriba - www.wook.pt